Este site utiliza cookies para otimizar a sua experiência de navegação.

ACEITO
Clínica Chegar Novo a Velho

A incontinência é uma condição física que afeta tanto homens como mulheres. Nos homens, se não for por causas patológicas pode aparecer simplesmente pelo avançar da idade e a falta de controlo nos músculos. 

Existem múltiplas doenças e situações que podem condicionar o aparecimento de incontinência urinária. Entre os tipos mais frequentes podemos enumerar: bexiga hiperativa, bexiga neurogénica, prolapsos pélvicos (ex prolapso anterior ou cistocelo, também conhecido como “bexiga baixa” ou “bexiga descaída”), lesão do esfíncter urinário: ex. após prostatectomia radical, fraqueza da musculatura pélvica, por exemplo induzida pela gravidez e parto, doenças neurológicas e psiquiátricas (ex. parkison, demência, esclerose múltipla). Existem outros fatores que promovem e/ou agravam a incontinência urinária, como: a idade, cafeína e tabagismo (ser fumador), obesidade (excesso de peso); nº de gradivez e partos, menopausa

No caso das mulheres, as causas mais comuns geralmente estão relacionadas com hiperatividade da bexiga e/ou com fraqueza da musculatura pélvica. É relativamente comum observar-se incontinência de esforço em mulheres que tenham sido submetidas a cirurgia pélvica (ex. histerectomia), com antecedentes de múltiplos partos, com excesso de peso ou com prolapsos genitais.

A incontinência urinária de esforço na gravidez está geralmente associada ao aumento de peso que o feto exerce sobre a bexiga, comprimindo-a e levando às perdas involuntárias. Após o parto, este tipo de incontinência poder-se-á manter transitoriamente ou cronicamente.

Nos homens, as causas mais frequentes de incontinência urinária são: a bexiga hiperativa e o após cirurgia à próstata.

A incontinência, apesar de não ser uma condição de saúde grave, causa imensos transtornos e afeta a autoestima e confiança, de quem dela padece. 

Para além das questões psicológicas, acaba por afetar a qualidade de vida de quem sofre de incontinência uma vez que deixam de conseguir ou querer sair de casa devido às perdas de urina, a prática de exercício fisico é condicionada e, uma simples caminhada pode tornar-se numa tortura para os incontinentes.

Se é ou conhece alguém incontinente, saiba que por vezes há solução para este problema, nós dispomos de uma equipa especializada em Genito Urinária Funcional, Estética e Regenerativa - Medicina Sexual e Incontinência, equipa mais apta a ajudá-lo/a não existe. 

Aposte na sua saúde e bem estar, aguardamos por si!